Eu Li [17] – Desafio Literário 2011.04.03

1984

George Orwell

Cia das Letras , 416 páginas

“Ao futuro ou ao passado, a um tempo em que o pensamento seja livre, em que os homens sejam diferentes uns dos outros, em que não vivam sós – a um tempo em que a verdade exista e em o que for feito não possa ser desfeito: Da era da uniformidade, da era da solidão, da era do Grande Irmão, da era do controle da realidade – saudações!”

Como desejei ler este livro! Esperava alguma espécie de ‘coragem’ a muito e muito tempo… O Desafio foi uma excelente oportunidade. A história me decepcionou no começo mas seu desenrolar e final foram surpreendentes. Valeu a ansiedade da espera.
Li anteriormente para o Desfio deste mês livros que narravam futuros brilhantes.
Este livro é pessimista. Tristemente assustador quanto ao futuro.
O lamento nas narrativas anteriores  por suas não concretização é esperançoso, o lamento deste é angustiante: Algo em mim  se assusta com o fato de saber que parte deste futuro não é irreal. [suspiro] 1984 acontece.

 “Os bons livros não te contam nada de novo,apenas aquilo que você já sabe”

.
O livro é narrado em terceira pessoa e relata a história do insignificante Winston Smith, funcionário do Ministério da Verdade da Oceania. A Oceania vive um totalitarismo desde que o IngSoc chegou ao poder sob comando do Grande Irmão. Devido ao seu trabalho (que envolvia o contato com notícias antigas), ele sabia que havia algo errado no governo. Este saber produziu um intenso incomodo no personagem. Grande parte da história se deriva do delírio de pensamento de Winston: a verdade que é ensinado a crer versus sua prórpria curiosidade e descoberta do mundo ‘real’.
A parte que me chamou atenção foi a que Orwell expõe a teoria da Guerra: segundo ele os objetivos não são vencer o inimigo nem lutar por causas e sim manter o poder das classes altas, limitando o acesso à educação, à cultura e aos bens materiais das classes baixas, ao mesmo tempo que destroí os bens materiais produzidos pelos pobres e impedir que eles acumulem cultura e riqueza e se tornem uma ameaça aos poderosos. “Uma paz verdadeiramente permanente seria o mesmo que a guerra permanente”.
  1984 é uma metáfora sobre as instituições modernas. Penso que Orwell descreve o futuro baseado em uma critica ao absurdos do presente. E veja só! O mundo de 1948 (quando o livro foi escrito) ainda é o mesmo em nossos dias! =/
Winston,  vive aprisionado na engrenagem social completamente dominada pelo Estado, onde tudo é feito coletivamente, mas todo individuo tende (ou tem que) viver solitariamente. Ninguém escapa à vigilância do Estado (o Grande Irmão – a famosa personificação do poder social cruel) mas o Estado não consegue preencher o vazio mais profundo do ser social que somos. Há um mundo de vazio histórico (que ser somos sem história?) onde apenas o poder  interessa: o poder pelo poder – puro em si.
Refleti com esse livro.
Refleti política.
Refleti o pensamento Ocidental.
Refleti a faculdade.
Tudo.
As metáforas da realidade chegaram a engasgar. Os limites do ser humano postos aprova. A revolta incentivada e punida pelos que detem o poder. O Estado controlando o pensamento dos cidadãos: por meio da manipulação da língua, de sentimentos, das instituições privadas -como a família. Ser dono de um olho em terras de cegos. Buscar o conhecimento e ao fim descobrir que ainda com ele se é tão pouco, tão desnecessário, e que tudo é pura vaidade.
As páginas finais dão arrepios.

E o que fazemos hoje com a história prevista a tanto tempo?
Não seguimos exatamente o fluxo da História?
Não encobrimos e reescrevemos guerras e passados com o nome do vencedor?
Que diferença há entre o mundo de Orweell e nosso cotidiano?

Mas… nada se pode fazer.

Toda essa história é que nos mantem vivos.
Por elas existimos, a ela alimentamos, por ela somos alimentados.
Conformismo?
Talvez amadurecimento de ideias.
Talvez seja mais fácil pensar -por hora assim.
.
.
.
.
.
.
—-
Anúncios

Diz aí:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s